Página Inicial | Voltar

Notícias


2010-09-03 18:36:44

MPF/RS realiza reunião para tratar da captação de água da Lagoa Mangueira para irrigação coletiva


MPF/RS realiza reunião para tratar da captação de água da Lagoa Mangueira para irrigação coletiva
Reunião ocorreu na procuradoria da República em Rio Grande

A procuradoria da República em Rio Grande (RS) realizou reunião para tratar da captação de água da Lagoa Mangueira, na Estação Ecológica do Taim, para irrigação.

Na ocasião o Instituto de Pesquisas Hidrológicas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (IPH/UFRGS) apresentou ao MPF/RS seus trabalhos sobre gestão coletiva de sistemas de irrigação. Foram retomadas as tratativas necessárias à constituição do arranjo institucional necessário à sua concretização na região do Banhado do Taim.

O modelo prevê a criação de um Distrito de Irrigação por parte dos usuários da água. Seria criada uma organização sem fins lucrativos destinada a administrar, operar e manter a infraestrutura de irrigação de uso comum, a ser gerenciada por meio da contratação de técnico capacitado e experiente na operação e monitoramento de perímetros irrigados.

De acordo com o professor Fernando Meirelles, o modelo desenvolvido pelo IPH/UFRGS já se encontra em prática, e com sucesso, na Bacia do Quaraí e em assentamento rural localizado no município de Viamão, e se baseia em modelagens ecológica e climática que permitem a previsão, atualizada mensalmente, da disponibilidade hídrica relativa aos seis meses seguintes.

O modelo apresentado permite estimar, com antecedência, o quanto poderá ser plantado naquela safra sem causar, no caso da Lagoa Mangueira, dano ao Banhado do Taim, além de estimular o uso mais eficiente (sem desperdício) do recurso hídrico e permitir outorga e licenciamento unificados.

Estiveram na reunião a procuradora da República Anelise Becker, o engenheiro agrônimo Paulo Duarte (Fepam – Regional Sul), Fernando Meirelles, do IPH/UFRGS, Manoel de Souza Maia, da Agência da Lagoa Mirim e representantes do Departamento de Florestas e Áreas Protegidas (Defap) da Secrataria do Meio Ambiente do Estado do Rio Grande do Sul (Sema) e da Estação Ecológica do Taim.

Notícia Anterior:
Operação Trampolim: mais de 100 ações penais propostas

Procuradoria da República no Rio Grande do Sul
Assessoria de Comunicação Social
ImprensaWeb 2008